Anatel x Drones – Saiba mais como funciona

A Utilização de Drones tem crescido muito nos últimos anos no Brasil, e com isso cresce também a preocupação dos órgãos reguladores de radiofrequência para garantir que esses rádios transmissores não ultrapassem limites e causem danos e problemas para outros.

Os Drones utilizam frequências de Radio para serem remotamente pilotados, e quem faz a fiscalização de calibragem dos rádios é a ANATEL, Agência Nacional de Telecomunicações.

Todos os aparelhos devem estar homologados na ANATEL para que possam voar e serem utilizados ou até mesmo transportados dentro do território nacional. Nós da DRONEWORK temos em nossos equipamentos o selo que garante que estamos com os equipamentos calibrados e não interferimos em outras frequências que não seja a frequência a nós designadas.  Antes de contratar uma empresa certifique-se de que os equipamentos estão dentro das normas da ANATEL.

Alguns problemas que um drone pode causar:
* Interferências em torres de controle aéreo,
* Problemas de comunicação de radiodifusão entre outros.

 

Nossos Drones tem as características abaixo, regulamentados e homologados pela ANATEL.

 Os Drones profissionais são considerados pela ANATEL  “Transceptores de Radiação Restrita – categoria 2.

A Faixa de frequências de utilização é entre 2404,0 MHz até 2476,5 MH com potência máxima de Saída entre 0,038w até 0,612w.

Drones Homologados pela ANATEL possui mais segurança para o profissional e para seus clientes. Com a Dronework você tem seu serviço com drone dentro da lei! Para adquirir algum de nossos serviços, entre em contato.